CINEMA: TRANSFORMERS – O ÚLTIMO CAVALEIRO

E hoje vamos falar de férias, filme e pipoca! \O/

Na última terça-feira, fomos convidadas para assistir a pré estreia do filme “Transformers – O Último Cavaleiro”, onde o lançamento oficial foi ontem (20 de julho) em todos os cinemas do Brasil.

Um filme feito para destruir os mitos da franquia Transformers, onde a história foi criada para redefinir o que é ser um herói. Preparem-se, pois humanos e transformers estão em total guerra: Optimus Prime desapareceu! A chave mestre que poderá salvar nosso futuro, está enterrada em segredos do passado, na história oculta dos transformers na terra. Salvar nosso planeta parece nunca ter sido tão impossível e aí surge uma aliança totalmente improvável: Cade Yeager (Mark Wahlberg), Bumblebee, um Lorde Inglês (Sir Anthony Hopkins) e uma Professora de Oxford (Laura Haddock). Fomos chamados para lutar e fazer a diferença!!!

maxresdefault

Um filme, uma história… Onde em “Transformers – O último Cavaleiro”, os caçados são heróis e já os heróis se tornam vilões. Apenas um mundo sobrevivente: O deles ou o nosso! E agora?

É CLARO QUE EU NÃO VOU SER CHATA E FICAR AQUI DANDO SPOILER PRA VOCÊS NÉ?! 🙂

Corram para os cinemas e garantam essa história bem de pertinho… Vocês irão amar!

Mark Wahlberg as Cade Yeager in TRANSFORMERS: THE LAST KNIGHT, from Paramount Pictures.
(Mark Wahlberg as Cade Yeager in TRANSFORMERS: THE LAST KNIGHT, from Paramount Pictures).

Ah! Pra quem curte e é realmente fã, o Ribeirão Shopping ainda está com a exposição Internacional dos Transformers no Setor Imigrantes e na Praça de Eventos A. A exposição traz como destaque o nobre herói Optimus Prime, O vilão Lord Megatron, o temível Fallen, o especialista em armas Ironhide, o explorador Jetfire, o sobrevivente Hound, o infiltrado Mudflap e o guerreiro Drift, sendo quatro deles acompanhados dos seus dinobots animatronics. Entre os quatro dinossauros animatronics apresentados na exposição, um deles chega a cinco metros de altura e 12 de comprimento.

Calma!! O Bumblebee também está exposto em uma escultura de 3,5 metros de altura…

Tem também uma ilha com seis tela touchscreen com aplicativos relacionados à série e aos seus personagens. Armas utilizadas pelos robôs e até um espaço cenográfico para tirar fotos gratuitas e garantir aquele feed sensacional!

20227788_1451278988298299_639163219_o

A exposição vai até o dia 20 de julho no Ribeirão Shopping (Setor Imigrantes e Praça de Eventos A).
A visitação é de segunda à sábado: Das 10h às 22h e Domingos e Feriados: Das 12h ás 20h.
Exposição gratuita!

20227526_1451278971631634_798825013_o

Você não pode ficar fora dessa!

Beijos

 

PORQUE ASSISTIR “13 REASONS WHY”?

No último 31 de março, a Netflix lançou mais uma série que veio para dominar os assuntos da internet. Só que dessa vez não é sobre fantasmas, histórias futuristas, paranormais ou muito menos sobre os tais zumbis. Lançaram sobre um assunto que pode estar ao seu lado e você nem percebe: O SUICÍDIO.

 

Inspirada em um livro, a série tem a produção de ninguém menos do que Selena Gomez, onde a cantora aborda a vida de Hannah, uma adolescente dos EUA, vítima de Bullying (Cyberbullyng, sexualização de mulheres, machismo, assédio, falta de diálogo com a família e depressão).

 

Às vezes, pra gente nada disso parece tão sério o bastante para explicar o que a  personagem fez. Afinal, a gente sempre acha que é bobeira quando não é com a gente né?  Mas ao decorrer da série, a própria explica com detalhes o que é que a levou à decisão fatal. Em 13 fitas cassete, Hannah conta sua história à todos os envolvidos, onde cada lado de cada fita é um episódio de um deles. E sim, você se prende a ponto de querer ouvir todas as fitas pra saber o que aconteceu…

 

Em seu lançamento, a série chegou ao trending topics do Twitter com a hashtag #nãosejaumporque, com pessoas refletindo sobre como a história mexeu com todo mundo. Desde aí, o assunto bullying voltou à tona e junto, trouxe um monte de desabafos espalhados.

Hannah é uma garota normal e não tem um “perfil clichê” para o caso ocorrido. Não é negra, nem gordinha, deficiente ou homossexual (pessoas que mais sofrem preconceito e bullying). De fato, a série aborda que pode-se sim, qualquer pessoa passar por isso e você nem perceber…

 

Mas e aí, quer saber o que realmente aconteceu e qual é o mistério de Hannah?

Então assista: 13 reasons why e descubra… #PORQUE?